Indice                 -                 Compilado por Beraldo Figueiredo                        -              Página Principal

 

105 - A ORDEM ROSACRUZ 

 

ÍNDICE:

 

105.1 - Histórico

105.2 - A Lenda

105.3 - Fraternidade Rosacruz

105.4 - Princípios e Finalidades

105.5 - Simbologia

105.6 - Visão Filosófica

105.7 - Histórico sobre a Bíblia

105.8 - Organizações Modernas

105.9 - Ilustres Rosacruzes (biografias)

 

................................................................

105.1 - HISTÓRICO:

A antiga Rosacruz consistia de seres altamente espiritualizados, puros e de incomensurável sabedoria.. Eram alquimistas médicos e matemáticos, doze indíviduos do século XIV, que foram orientados por um ser conhecido como "Cristão Rosa Cruz". Esses seres trabalharam secretamente e formaram uma fraternidade conhecida como "Ordem Rosacruz". Os conhecimentos de tal Ordem foram ministrados à apenas alguns sábios, sendo que nada foi revelado até o ano de 1614, data da publicação da Fama Fraternitatis, o primeiro manifesto Rosacruz. Essa sociedade secreta ainda existe e ainda trabalha pela elevação da humanidade.

Somente aqueles que possuem um amplo desenvolvimento espiritual são admitidos como membros no círculo interno do movimento Rosacruz. Tais "médicos da alma" engajados no controle interno deste grande movimento, estão intimamente associados à evolução do mundo. Esses irmãos  trabalham trabalham de forma secreta, incansável e abnegadamente pelo bem da humanidade.

Esta Ordem hermética é vista por muitos Rosacrucianistas antigos e modernos como um "Colégio de Invisíveis" nos mundos internos, formado por grandes Adeptos, com o intuito de prestar auxílio à evolução espiritual da humanidade.

 

Por um lado, alguns metafísicos consideram que a Ordem Rosacruz pode ser compreendida, de um ponto de vista mais amplo, como parte, ou inclusive a fonte, da corrente de pensamento hermético-cristã patente no período dos tratados ocidentais de alquimia que se segue à publicação de A Divina Comédia de Dante (1308-1321).

 

Por outro lado, alguns historiadores sugerem a sua origem num grupo de protestantes alemães, entre os anos de 1607 e 1616, quando três textos anônimos foram elaborados e lançados na Europa: Fama Fraternitatis R.C., Confessio Fraternitatis Rosae Crucis e Núpcias Alquímicas de Christian Rozenkreuz Ano 1459. A influência desses textos foi tão grande que a historiadora Frances Yates denominou este período do século XVII como o período do Iluminismo Rosacruz.

 

105.2 - A LENDA:

Segundo a lenda, exposta no documento "Fama Fraternitatis" (1614), essa fraternidade teria suas origens em Christian Rosenkreuz (de início apenas designado por "Irmão C.R.C."), nascido em 1378 na Alemanha, junto ao rio Reno.

 

105.3 - FRATERNIDADE ROSACRUZ:

Em 1908, Max Heindel que era de origem dinamarquesa, após ser testado em sinceridade de propósitos e desejo desinteressado em ajudar seus semelhantes,   foi escolhido como o mensageiro dos Irmãos Maiores, para transmitir os ensinamentos Rosacruzes ao Ocidente, preparando a humanidade para a futura Era de Fraternidade Universal.   Por meio de intensa auto-disciplina e devoção ao serviço ele conquistou o status de Irmão Leigo ( Iniciado ) na exaltada Ordem Rosacruz.

Sob a direção dos Irmãos Maiores da Rosa Cruz, gigantes espirituais da raça humana, Max Heindel escreveu o Conceito Rosacruz do Cosmos, um livro que marcou época se tornando uma referência marcante para todos os pesquisadores  da tradição ocultista ocidental e aspirantes à espiritualidade.

Por meio de seu próprio desenvolvimento ele foi capaz de verificar por si mesmo muitos aspectos dos ensinamentos recebidos dos Irmãos Maiores, sintetizados no Conceito Rosacruz do Cosmos, fornecendo um conhecimento adicional mais tarde corporificado em seus numerosos livros.

Uma das condições básicas na qual os Ensinamentos da Sabedoria Ocidental foram dados à Max Heindel era que nenhum preço poderia ser estabelecido para eles. Tal condição foi fielmente observada por ele até o fim de sua vida terrestre e tem sido cuidadosamente cumprida pelos dirigentes da Fraternidade Rosacruz ( The Rosicrucian Fellowship). Ainda que os livros da Fraternidade sejam vendidos a preços acessíveis,  que garantam a continuidade de suas publicações, os cursos por correspondência e os serviços devocionais e de cura são inteiramente gratuitos. A Fraternidade é mantida  através de doações voluntárias de seus estudantes e simpatizantes, não havendo taxas ou mensalidades obrigatórias.

Passado um determinado tempo e estando ainda tais ensinamentos sob a sua responsabilidade, foi instruído a retornar à América e revelar ao público tais ensinamentos , até então secretos. Nessa época, a humanidade tinha alcançado o estágio mais avançado da religião cristã, quando os mistérios (que Cristo menciona em Mateus 13:11 e Lucas em 8:10) tinham que ser ministrados à muitos e não apenas para alguns.

Quando Max Heindel chegou à América, ele publicou esses elevados conhecimentos em seu livro "O Conceito Rosacruz do Cosmos" que foi traduzido em diversas línguas e continua a ser editado em várias partes do mundo. Também estabeleceu a Fraternidade Rosacruz como uma Escola Preparatória para a verdadeira, eterna e invisível Ordem Rosacruz, a Escola de Mistérios do Mundo Ocidental.

Ainda que a palavra Rosacruz seja usada por várias organizações, a Fraternidade Rosacruz não tem nenhuma conecção com estas.

 

105.4 -PRINCÍPIOS E FINALIDADES:

A Fraternidade Rosacruz, cuja sede mundial está situada em Mt. Ecclesia, Oceanside, California, foi fundada em 1909 por Max Heindel, que organizou e dirigiu todos os seus trabalhos até 1919, data de sua partida física. Sucedeu-o sua esposa Sra. Augusta Foss Heindel, que durante trinta anos dirigiu a Obra a frente de um Conselho Diretor.

A Fraternidade Rosacruz é uma organização de místicos cristãos compostas por homens e mulheres que estudam a Filosofia Rosacruz segundo as diretrizes apresentadas no Conceito Rosacruz do Cosmos. Tal Filosofia é conhecida como os Ensinamentos da Sabedoria Ocidental e estabelece uma ponte entre a ciencia e a religião.Seus estudantes estão espalhados por todo o mundo; mas sua Sede Internacional está localizada em Oceanside, California, E.U.A.

A Fraternidade Rosacruz não tem conecção com nenhuma outra organização. Foi fundada durante o verão e outono de 1909, após um ciclo de conferências proferido por Max Heindel em Seattle. Um Centro de Estudos foi formado e a Sede da Fraternidade se localizou temporariamente naquela cidade. Providencias foram tomadas para a publicação do Conceito Rosacruz do Cosmos. Com a publicação deste trabalho a Fraternidade Rosacruz foi definitivamente estabelecida.

 

No Rio de Janeiro, a Fraternidade Rosacruz, a conselho da Sra. Augusta Foss Heindel, foi estabelecida no Rio de Janeiro pela Sra. Irene Gómez de Ruggiero, sendo atualmente dirigida pelo Irmão Probacionista Roberto Gomes da Costa  a frente de um Conselho Diretor.

A Fraternidade Rosacruz Max Heindel não é uma seita ou organização religiosa, mas sim uma grande Escola de Pensamento. Sua finalidade precípua é divulgar a admirável filosofia dos Rosacruzes, tal como ela foi transmitida ao mundo por Max Heindel, escolhido para esse fim pelos Irmãos Maiores da Ordem Espiritual.

Seus ensinamentos projetam luz sobre o lado científico e o aspecto espiritual dos problemas relacionados à origem e evolução do homem e do Universo. Tais ensinamentos, contudo, não constituem um fim em si mesmo, mas um meio para o ser humano tornar-se melhor em todos os sentidos, desenvolvendo assim o sentimento de altruísmo e do dever, para o estabelecimento da Fraternidade Universal.

O fim a que se destina a Filosofia Rosacruz é despertar a humanidade para o conhecimento das Leis Divinas, que conduzem toda a evolução do homem, e, ainda:

(I) explicar as fontes ocultas da vida. O homem, conhecendo as forças que trabalham dentro de si mesmo, pode fazer melhor uso de suas qualidades;

(II) ensinar o objetivo da evolução, o que habilita o homem para trabalhar em harmonia com o Plano Divino e desenvolver suas próprias possibilidades, ainda desconhecidas para grande parte da humanidade;

(III) mostrar as razões pelas quais o Serviço amoroso e desinteressado ao próximo é o caminho mais curto e mais seguro para a expansão da consciência espiritual.

 

Foram publicados livros e organizados Cursos por Correspondência para os aspirantes que desejam estudar as verdades espirituais, mas como auxílio e não como fim em si mesmo, pois o estudo, em si só, não basta. A teoria precisa da experiência, obtida mediante a prática, para ser desenvolvida em sabedoria e poder. E, precisamente, a Fraternidade Rosacruz destina-se a prestar a orientação necessária aos aspirantes, para se chegar à aplicação da Lei Espitual na solução dos problemas individuais e coletivos.

O Movimento Rosacruz, publica e mundialmente iniciado pelo engenheiro Max Heindel, é fundamentalmente uma Escola de reforma interna para a humanidade, uma Escola de desenvolvimento e expansão de consciência, tratando de nossa origem espiritual e da finalidade de nossa evolução.

 

105.4.1 - FILOSOFIA DE MAX HEINDEL:

Na literatura rosacruciana de Max Heindel (que foi também teósofo), fundador da Fraternidade Rosacruz, é apresentada uma constituição sétupla do Homem. Neste caso, diz-se que o homem é um Espírito tríplice (ou Ego formado por três aspectos: Espírito Divino, Espírito de Vida e Espírito Humano), possuindo uma mente que governa, como uma reflexão invertida, o tríplice corpo (corpo denso, corpo vital e corpo de desejos). Assim, durante o presente "Dia de Manifestação" que elevará o homem da impotência à omnipotência (da inocência à virtuosidade), o Espírito Divino emana de si o corpo denso extraindo como alimento a Alma consciente; o Espírito de Vida emana de si o corpo vital, extraindo como alimento a Alma intelectual; e o Espírito Humano emana de si o corpo de desejos, extraindo como alimento a Alma emocional.

A constituição do Homem segundo os Mestres Ascensos Nos ensinamentos da The Summit Lighthouse, o homem também é constituído de sete corpos: três corpos superiores: o Corpo da Presença do EU SOU, o Corpo Causal e o Santo Cristo Pessoal e quatro corpos inferiores: o corpo etérico, o corpo mental, o corpo emocional (ou astral) e o corpo físico. Os três corpos superiores correspondem ao plano do Espírito e os quatro corpos inferiores ao plano da matéria.

Wikipédia

 

105.5 - SIMBOLOGIA:

Mesmo presentemente o homem já modela a matéria pela voz e pelo pensamento ao mesmo tempo, como vimos nas experiências científicas em que os pensamentos criaram imagens em placas fotográficas, e noutras em que a voz humana criou figuras geométricas na areia, etc..

Em proporção direta ao altruísmo que demonstre, o homem poderá exteriorizar a força criadora que retiver. Isto lhe dará maior poder mental e capacita-lo-á a utilizar-se de tal poder na elevação dos demais, ao invés de intentar degradá-los e sujeitá-los à sua vontade.

Aprendendo a dominar-se, cessará de tentar dominar aos outros, salvo quando o fizer temporariamente para o bem deles, jamais para fins egoísticos. Somente aquele que se domina está qualificado para orientar aos demais e, quando necessário, é competente para julgá-los no modo que melhor lhes convenha.

 

Vemos, portanto, que a seu devido tempo o atual modo passional de geração será substituído por um método mais puro e mais eficiente que o atual. Isto também está simbolizado pela Rosacruz, em que a rosa se situa no centro, entre os quatro braços. O madeiro mais comprido representa o corpo; os dois horizontais, os dois braços; e o madeiro curto superior representa a cabeça. A rosa está colocada no lugar da laringe.

Como qualquer outra flor, a rosa é o órgão gerador da planta. Seu caule verde leva o sangue vegetal, incolor e sem paixão. A rosa vermelho-sangue mostra a paixão que inunda o sangue da raça humana, embora na rosa propriamente dita o fluido vital não seja sensual, mas sim casto e puro. Ela é, por conseguinte, excelente símbolo dos órgãos geradores em seu estado puríssimo e santo, estado que o homem alcançará quando haja purificado e limpo seu sangue de todo desejo, quando se tenha tornado casto e puro, análogo a Cristo.

Por isso os Rosacruzes esperam ardentemente o dia em que as rosas floresçam na cruz da humanidade; por isso os Irmãos Maiores saúdam a alma aspirante com as palavras de saudação Rosacruz: "Que as Rosas Floresçam em Vossa Cruz"; e por isso esta saudação é usada nas reuniões dos Núcleos da Fraternidade pelo dirigente, ocasião em que os estudantes, probacionistas e discípulos presentes respondem à saudação dizendo: "E na vossa também".

 

105.6 - VISÃO FILOSÓFICA DA ROSACRUZ:

Pequeno Resumo da Filosofia Rosacruciana.
A Ciência Oculta Rosacruz ensina que o homem é um ser complexo que possui:


105.6.1  - ANATOMIA DO SER HUMANO:


105.6.1.1 – Corpo Denso:
É 0 instrumento visível que emprega neste mundo para atuar e mover-se. É o corpo que normalmente é considerado como o "homem".

(PELA TEOSOFIA E ESOTERISMO: CORPO FÍSICO)

******************

105.6.1.2 – Corpo Vital:
É composto de éter, que interpenetra o corpo visível, da mesma forma que o éter interpenetra todas as outras formas, com a exceção de que o ser humano especializa maior quantidade de éter universal do que as outras formas. Este corpo etéreo é nosso instrumento de especialização da energia vital do Sol.

(PELA TEOSOFIA E ESOTERISMO: CORPO ETÉRICO)

*************

105.6.1.3 – Corpo de Desejos:
Pelo qual se expressa a nossa natureza emocional. Este veículo, mais sutil, interpenetra tanto o corpo físico como o corpo vital. O clarividente o vê estendendo-se cerca de 40 cm. além do corpo visível, o qual está situado no centro desta nuvem oval, tal como a gema se encontra no centro do ovo.

(PELA TEOSOFIA E ESOTERISMO: CORPO ASTRAL)

****************

105.6.1.4 – Mente:
Que é um espelho que reflete o mundo exterior e permite ao Ego transmitir suas ordens por pensamentos e palavras, compele também à ação.

(PELA TEOSOFIA E ESOTERISMO: CORPO MENTAL)

O Ego é o tríplice Espírito que utiliza estes veículos para acumular experiências na escola da vida.

105.6.2 - DIVISÃO DOS MUNDOS:

105.6.2.1 -  Divisões do Universo:
1- Mundo de Deus
2- Mundo dos espíritos virginais
3- Mundo do espírito divino
4- Mundo do espírito de vida
5- MUNDO DO PENSAMENTO
6- MUNDO DO DESEJO
7- MUNDO FÍSICO

Cada um desses mundos possuem 7 subdivisões como seguem as dos 3 mundos em questão (desejos, físico e pensamento)

105.6.2.1.1 - MUNDO FÍSICO:
Existem 3 subdivisões do mundo físico chamadas Regiões químicas: Sólidos, Líquidos e Gases.

E outras quatro subdivisões chamadas Regiões etéricas:
1 - Éter químico (Meio de assimilação e excressão)
2 - Éter de vida (Meio de propagação)
3 - Éter de luz (Meio da percepção sensorial)
4 - Éter refletor (Memória da natureza)

105.6.2.1.2 - MUNDO DO DESEJO:
Desejos, aspirações paixões e sentimentos expressam-se na matéria de suas diferentes regiões. Tomam formas que duram mais ou menos tempo, de acordo com a intensidade do desejo, sentimento ou aspiração que encerram. Possui também sete subdivisões a seguir:
Inferiores
1- Região da paixão e do desejo inferior (a mais inferior)
2- Região da impressionabilidade
3- Região dos desejos Neutra
4- Região do sentimento Superiores
1- Região da vida anímica
2- Região da luz anímica
3- Região do poder anímico

105.6.2.1.3 - MUNDO DO PENSAMENTO:
Também se compões de sete subregiões de diversas qualidades e densidades e também possui duas principais divisões:
Mundo do pensamento concreto.

Esta região proporciona a matéria mental em que se envolvem as idéias geradas na região do pensamento abstrato. Manifestando-se como pensamentos-forma, atuam como reguladores e equilibradores dos impulsos originados no mundo do desejo.

1- Região continental (determina os arquétipos ou modelos da disposição da crosta terrestre assim com os arquétipos da flora e fauna).

2- Região oceânica (Determina os arquétipos de todas as forças que atuam pelos 4 éteres do mundo físico, é uma corrente de vida que circula por todas as formas assim como o sangue circula pelo corpo)

3- Região aérea (determina os arquétipos dos desejos, das paixões, dos sentimentos e das emoções).

4- Região das forças arquétipas (é a região central e a mais importante dos cinco mundos onde se efetua a evolução do homem, é o ponto principal de divisão entre os reinos do espírito e das formas e é o PONTO FOCAL por onde o espírito se reflete na matéria.)
A quinta região é a mais próxima do ponto focal pelo lado do espírito e reflete-se na terceira, a mais próxima pelo lado da forma. A sexta reflete-se na segunda e a sétima na primeira.

5- Contém a idéia germinal do desejo e da emoção dos animais e do homem.

6- Contém a idéia germinal da forma mineral, vegetal, animal e humana.

7- Contém a idéia germinal da vida vegetal, animal e humana.

Fonte: Conceito rozacruz do cosmos Max Heindel

***************

Fonte:
http://www.fraternidaderosacruz.com.br

/ livros online / conceito Rosacruz do cosmos / índice geral / primeira parte / diagrama 2

Diagrama Visual:
http://www.fraternidaderosacruz.com.br/livrosonline/CRCosmos/diaciclovida.html

 


 

105.7 - Um breve histórico sobre a Bíblia

No Ritual Rosacruz do Serviço do Templo, ouvimos que "...se procurarmos a luz, encontrá-la-emos na Bíblia..." e é sobre ela que faremos um breve traçado histórico.

O Velho Testamento foi escrito em sua forma original, evidentemente, no idioma hebraico e considerava-se um sacrilégio vertê-lo para outro idioma. Contudo no ano 280 AC. judeus helenistas (que sofreram influência grega realizaram uma tradução do Velho Testamento hebraico para o grego).

Max Heindel no Conceito Rosacruz do Cosmos nos informa que esta tradução ficou conhecida como “Septuagenita". Motivo: foi realizada por setenta tradutores judaicos que conheciam o idioma grego.

No segundo século da era cristã, com a expansão do império romano e  conseqüentemente do idioma latino, foi feita uma tradução para o latim do Velho Testamento a partir desta “Septuagenita" e também a tradução do Novo Testamento, do grego para o latim.

Interessante citar que, da prisão em Roma, o apóstolo Paulo um pouco antes de morrer, escreveu a Timóteo : “Quando vieres, traze a capa que deixei em Trôade em casa de Carpo, bem como os livros, especialmente os pergaminhos” (II Timóteo 04:13).  Notamos que o discípulo de Cristo solicitou duas coisas distintas: livros e pergaminhos.

A palavra grega traduzida “os livros” é "biblon" e a palavra traduzida “pergaminhos” é “membrana", A palavra biblon é derivada do nome de uma planta chamada byblos, que cresce à beira de rios e dessas plantas foram feitos os rolos em que foi escrita a palavra de Deus. É do nome “biblion" que a palavra bíblia é derivada e os cristãos que falavam o latim tomaram esta palavra grega “biblia", empregando-a no singular, e assim a palavra bíblia tornou-se o nome da coleção completa das Sagradas Escrituras.

O outro documento que Paulo solicita era "os pergaminhos" e estes não eram feitos de produto vegetal, como o papiro, mas de couro de animais, como carneiro e cabra. A palavra pergaminho é derivada do nome de uma cidade da Ásia menor chamada Pérgamo, que era um grande centro produtor de pergaminhos.

No século quarto. Jerônimo fez uma revisão das traduções latinas que ficaram conhecidas como vulgata latina e ela foi, durante aproximadamente um milênio, a bíblia da Europa e suas traduções autorizadas pela igreja católica foram feitas dela. Isto influiu muito nas futuras traduções européias, incluindo o nosso português.

Em 1320, João Wycliff traduziu a Bíblia da vulgata latina para o inglês e muitas cópias foram feitas daí. A invenção da imprensa, por Gutemberg, inaugurou uma nova era para a Bíblia.

Até o ano de 1250, em todas as traduções da Bíblia não haviam divisões de seus livros em capítulos e versículos. O cardeal Hugo foi o primeiro a fazer divisões nos livros da Bíblia em capítulos, mas somente três séculos depois os capítulos foram divididos em versículos, por Sir Roberts Stephens.

Para nós vai interessar que, em Portugal, no ano de 1681, foi publicado o primeiro Novo Testamento em português, sendo de João Ferreira da Silva a tradução. Ele traduziu até a profecia de Ezequiel, quando então faleceu e o restante da tradução foi feita por outras pessoas e publicada 62 anos depois.

Um século mais tarde, o padre Antonio Pereira de Figueiredo publicou a sua tradução do Novo Testamento e, pouco depois, da Bíblia em sua totalidade. Entre outras traduções e revisões em português, temos a tradução do padre Matos Soares, que contem cerca de oito dos considerados livros apócrifos, livros estes que não foram traduzidos de seus originais para todos os idiomas.

Temos que considerar também que muitas das traduções da Bíblia (entre elas a do rei Jaime da Inglaterra, uma das mais usadas hoje em dia) foram feitas obedecendo “conveniências” políticas, sociais e principalmente religiosas (consultar Filosofia Rosacruz, em Perguntas e Respostas, vol. 1 — perg. 78).

Há também a edição bíblica corrigida e a edição, revista e atualizada no Brasil, da tradução de João Ferreira da Silva.

A Bíblia contém 66 livros (39 no Velho Testamento e 27 no Novo Testamento) e foi escrita por, pelo menos, 37 pessoas diferentes, no decurso de cerca de 1600 anos.

O velho testamento hebraico contém 24 livros, que são os mesmos dos 39 da tradução de João Ferreira de Almeida e suas revisões. A razão?

Primeiro e segundo Samuel são contados, no Velho Testamento dos judeus, como um livro só. Também o mesmo se dá com o primeiro e segundo Reis, primeiro e segundo Crônicas, e Esdras e Neemias. Os doze profetas menores formam um só livro. O historiador Josefo, que viveu pouco tempo depois de Cristo, ainda reduziu os 24 livros para 22, combinando Ruth com Juizes e Lamentações com Jeremias.

Os tradutores da “Septuagenita" também trocaram a ordem de alguns livros e as nossas atuais Bíblias seguem esta ordem. Por exemplo: os cinco primeiros livros da Bíblia (Pentateuco) foram escritos por Moisés e os 12 livros a seguir, ou seja, o livro de Jó, supõe-se ter sido escrito também por Moisés.

fonte:http://www.fraternidaderosacruz.com.br/

 

105.8 - Organizações modernas:

 

A Ordem Rosacruz autêntica surgiu no século XVII, mas no século passado surgiram organizações inspiradas na Tradição da Rosacruz original. Existem actualmente diversas e distintas ramificações Rosacrucianas. Apresenta-se de seguida uma breve descrição acerca das mais divulgadas:

  • A Fraternidade Rosacruz, no Brasil e em Portugal (inglês, The Rosicrucian Fellowship), foi fundada por Max Heindel entre 1909 e 1911, nos Estados Unidos. Não reivindica o título de "Ordem Rosacruz", considerando-se apenas uma escola de exposição de suas doutrinas e de preparação para o indivíduo para ingresso em caminhos mais profundos na Ordem espiritual. Segundo eles, a verdadeira Ordem Rosacruz funciona apenas nos planos espirituais. Ao contrário da maioria das demais organizações rosacruzes, as escolas de Max Heindel se consideram indissociáveis do Cristianismo. Outras organizações rosacruzes também se consideram cristãs, mas não com esta ênfase.

  • Antiga e Mística Ordem Rosae Crucis (AMORC), com sede mundial em São José na Califórnia, EUA, diz ter sido fundada no Antigo Egito, e organizada pelo Faraó Amenhotep IV (também conhecido como Akhenaton), por volta de 1500 a.C.. O que se confirma historicamente é que a Ordem foi fundada em 1915 por Harvey Spencer Lewis, nos Estados Unidos. Tal como está expresso no site oficial da Ordem: "A Ordem Rosacruz, AMORC é uma organização internacional de caráter místico-filosófico, que tem por missão despertar o potencial interior do ser humano, auxiliando-o em seu desenvolvimento, em espírito de fraternidade, respeitando a liberdade individual, dentro da Tradição e da Cultura Rosacruz.". A Antiga e Mística Ordem Rosacruz (sem hífem) é hoje a maior fraternidade rosacruz no mundo, abrangendo dezenas de países, em diversos idiomas, além de acolher a Tradicional Ordem Martinista (T.O.M.), uma ordem martinista fundada pelo renomado médico e ocultista francês Papus (Dr. Gerard Anaclet Vincent Encausse). A sede para os falantes da língua portuguesa localiza-se na na cidade de Curitiba.

  • Fraternitas Rosae Crucis (FRC), também com sede mundial nos EUA, que se reivindica a autêntica Ordem Rosa-Cruz fundada em 1614 na Alemanha, mas na verdade foi fundada por Reuben Swinburne Clymer por volta de 1920 e se diz representante de um movimento originalmente fundado por Pascal Beverly Randolph em 1856.

  • Fraternitas Rosicruciana Antiqua (FRA) foi fundada pelo esoterista alemão Arnold Krumm-Heller por volta de 1927, e tem sede no Rio de Janeiro (está presente também nos países de língua hispânica).

  • Lectorium Rosicrucianum (ou Escola Internacional da Rosacruz Áurea) é uma organização rosacruz que começou a se estruturar em Haarlem, Holanda, em 1924, através do trabalho de J. van Rijckenborgh (pseudônimo de Jan Leene) e Z.W. Leene, quando esses dois irmãos entraram para a Sociedade Rosacruz (Het Rozekruisers Genootschap), divisão holandesa do grupo americano Rosicrucian Fellowship. Este grupo se tornaria independente da Rosicrucian Fellowship em 1935 e, com o final da guerra em 1945 (quando seu trabalho foi proibido pelas forças de ocupação nazista), o trabalho exterior foi retomado e passou a adotar o nome Lectorium Rosicrucianum, ou Escola Internacional da Rosacruz Áurea, apresentando-se cada vez mais como uma escola gnóstica, "Gnosis" significando aqui o conhecimento direto de Deus, resultado de um caminho de desenvolvimento espiritual. Desde 1945, o grupo se expandiu por vários países da Europa, América, Oceania e África, além de publicar inúmeros livros, muitos dos quais com comentários sobre antigos textos da sabedoria universal, como os Manifestos Rosacruzes do Século XVII, o Corpus Hermeticum (textos atribuídos a Hermes Trismegistus), o Evangelho Gnóstico da Pistis Sophia, o Tao Te Ching, entre outros.

  • A "Confraternidade da Rosa+Cruz" CR+C preserva e perpetua a Tradição Rosacruz sob a linhagem e autoridade espiritual do Imperator "Gary L. Stewart", oferecendo os Ensinamentos Rosacruzes originais preparados nas décadas de 1920 e 1930 por Harvey Spencer Lewis. Preservando a Tradição conforme especificamente estabelecida no início do século XX e também conforme o Movimento Rosacruz em geral dos séculos passados. Para executar essa tarefa com êxito, há necessidade de se manter sempre o equilíbrio entre a Tradição e o Movimento com adesão estrita às leis que governam a sua operação e a sua existência. A manutenção desse equilíbrio é confiada a um Imperator do Movimento, que, sob muitos aspectos, serve como um guardião do mesmo.

  • OKRC (Ordem Kabbalística da Rosa-Cruz) - A OKRC foi fundada em 1888, pelo Marquês Stanislas de Guaita (seu primeiro Grão-Mestre). Ela agrega em si de uma forma equilibrada a herança do Martinismo da Rosa-Cruz, da Kabbala e do Hermetismo. Ela tem uma estrutura internacional mista. Longe de não ser apenas uma escola filosófica ou simbólica, ela tem por objetivo desde sua criação formar e iniciar os Seres de Desejo. Presente hoje como outrora, a sua herança conservou este vigor e esta riqueza, que sempre lhe permitiu adaptar-se à sua época, fazendo irradiar a chama da sua iniciação. Tendo ressurgido no século XIX, as correntes Rosa+Cruzes do Sudoeste da França permitiram o reencontro entre a tradição mística e simbólica alemã e suas correntes herméticas mediterrâneas. Por este intercâmbio, a Rosa+Cruz da qual falamos concentrou seus trabalhos sob o ritual, a alquimia, a astrologia e uma certa forma de teurgia.

 

Lista de instituições relacionadas:

  • Fraternidade Rosacruz - fundada em 1909/11 por Max Heindel; sua sede internacional está localizada em Mount Ecclesia, Oceanside, Califórnia (EUA). Tem uma sede central e centros de estudo no Brasil e centros em Portugal. 

  • Alchemical Rose-Croix Society (Association Alchimique de France). 

  • Ancient and Mystical Order Rosae Crucis (Antiga e Mística Ordem Rosae Crucis - AMORC) - originalmente fundada por Harvey Spencer Lewis, é a organização rosacruz mais conhecida e com maior número de membros. 

  • Antiquus Arcanus Ordo Rosae Rubea Aurea Crucis (Antiga e Arcana Ordem da Rosa Vermelha e da Cruz Dourada - AAORRAC) - originalmente surgida na Áustria, tem conexões com a AMORC.

  • Ancient Rosae Crucis (ARC) - é uma dissidência da AMORC.

  • Círculo Iniciático de Hermes (C:.I:.H:.) - Grupo independente de princípios Rosacruzes, baseados na magia de Hermes, ou Hermetismo. 

  • Confraternidade da Rosa+Cruz (CR+C)- Organização fundada por Gary L. Stewart, anterior Imperator da AMORC.

  • Corona Fellowship of Rosicrucians (CFR). 

  • Fraternidade Rosacruciana São Paulo - fundada por Lourival Camargo Pereira e sediada em São Paulo, Brasil, seguindo o modelo da escola de Max Heindel. É mais antiga que a filial brasileira da Rosicrucian Fellowship.

  • Fraternitas Rosae Crucis (FRC) - fundada em 1920 por Reuben Swinburne Clymer, segundo ele representando o movimento originalmente fundado por Paschal Beverly Randolph em 1856 e tendo suas raízes em 1614 na Alemanha. 

  • Fraternitas Rosicruciana Antiqua (FRA) - fundada pelo ocultista alemão Arnold Krumm-Heller em torno de 1927 na América do Sul (para onde ele foi com a idade de 16 anos), sendo desde o seu início uma fraternidade para o Brasil e países de fala hispânica.

  • Lectorium Rosicrucianum, (International School of the Golden Rosycross ou Escola Internacional da Rosacruz Áurea) (LR) - fundada por Jan van Rijckenborgh e Z.W. Leene, em 1924. 

  • Ordem Mística do Templo da Rosacruz.

  • Ordre Kabbalistique de la Rose Croix (Ordem Kabbalística da Rosa-Cruz) (OKRC) - fundada em Paris, em torno do ano de 1888, tendo o Marquês Stanislas de Guaita como seu primeiro Grão-Mestre, e segundo algumas fontes teve conexões com o ocultista Papus. Atualmente ativa em diversos países do mundo. 

  • Order of the Temple et the Graal and of the Catholic Order of the Rose-Croix (l'Ordre de la Rose Croix Catholique et Esthetique, du Temple et du Graal) (CRC) - iniciada por Josephine Peladan em 1890.

  • Order of the Temple of the Rosy Cross (OTRC) - fundada em Londres, Inglaterra, em 1912 por Annie Besant, Marie Russak e James Ingall Wedgwood. 

  • Ordo Aurea et Rosae Crucis (Antique Arcanae Ordinis Rosae Rubea et Aurea Crucis)(OARC) - liderada por um sucessor de Peladan, Emille Dantinne, que iniciou Ralph Lewis, filho do fundador da AMORC e seu segundo Imperator.

  • Ordo Templi Orientis (OTO) - originalmente fundada por Carl Kellner e Franz Hartmann em torno de 1895, acabou sendo liderada por Theodor Reuss em 1902. 

  • Rose-Croix de l'Orient (Rose-Cross of the East) (RCO).).

  • Ordem Fraterna Universal (OFU) - http://www.ofu.com.br - fundamentada no Egito. 

  • Societas Rosicruciana in America (SRIA) - iniciou em Filadélfia em 1878, espalhando-se depois por todos os EUA.

  • Societas Rosicruciana in Anglia (SRIA) - fundada em torno de 1860-1865 pelo Franco-maçom Robert Wentworth Little, e deste movimento participaram personalidades conhecidas como William Wynn Westcott, Eliphas Levi e Theodor Reuss. 

  • Societas Rosicruciana in Civitatibus Foederatis (SRICF) - fundada na Pennsylvania, EUA, em 1879.

  • The Elder Brothers of the Rose-Croix (Les Freres Anis de la Rose-Croix) (FARC). 

  • The Hermetic Order of the Golden Dawn (HOGD) - Ordem Hermética do Amanhecer Dourado - fundada em 1888 por Franco-maçons, entre eles S. L. MacGregor Mathers e William Wynn Westcott.

  • The Rosicrucian Fellowship (Association of Christian Mystics) (RF) - fundada por Max Heindel, entre os anos de 1909 e 1911, e que tem hoje centros de estudo em vários países.

 

 

 

Templos e Pronaos

Pronaos era a antecâmara no templo grego que antecedia o naos e que se transformava mais tarde no nártex.

Os Rosacruzes da AMORC (Antiga e mística ordem da Rosa Cruz) realizam suas reuniões em templos / lojas, capitulos ou pronaos, sendo a denominação de pronaos dada ao templo menor onde se reúnem os postulantes e neófitos que ainda não foram iniciados ao primeiro grau de templo.

Os capitulos são grupos menores que podem existir em substituição a uma loja, quando a quantidade de membros for insuficiente para compor uma loja. Já o pronaos, pode existir em conjunto com uma loja, constituindo assim a chamada "antecâmara" do templo principal, em conformidade com o significado original do termo.

 

Indice                 -                 Compilado por Beraldo Figueiredo                        -              Página Principal